Últimas Notícias
SERRA-ES
27 fevereiro 2021

União: mais de 830 vagas abertas com salário de até R$ 7 mil

estudos_para_concurso_01-3953228

O governo federal está 839 vagas abertas em cinco concursos públicos. As chances são para cargos de níveis médio e superior. A remuneração pode passar de R$ 7,2 mil mensais.
O menor salário (mais ainda muito convidativo, R$ 3,8 mil) está sendo oferecido para técnico de nível médio da Defensoria Pública da União (DPU) — concurso que foi suspenso em maio, reaberto em outubro, e está com o período de inscrição prorrogado até o dia 22 de novembro. O motivo da suspensão foi uma questão legal. Como a DPU ganhou autonomia, não é mais permitida a titularização de cargos criados pelo Poder Executivo. Mas, sem os cargos, não era possível aumentar o número de servidores. A DPU, que em 20 anos de existência fez apenas um concurso, precisou entrar na Justiça, solicitando a imediata devolução das vagas.

Saiba mais

Defensoria Pública da União
Inscrições: Até o dia 22 de novembro, no site do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção de Promoção de Eventos (Cebraspe)
Vagas: 143
Taxa: R$ 70 para cargos de nível médio, e R$ 100 para nível superior.
Cargos: Quem tem formação em qualquer curso superior pode concorrer aos postos de analista técnico-administrativo e técnico em assuntos educacionais, com salário de R$ 5.266,18. A mesma remuneração é oferecido para arquivologistas, assistentes sociais, bibliotecários, contadores, economistas, psicólogos, sociólogos, comunicadores sociais (jornalistas).
Há ainda chances de nível médio para agentes administrativo, com salário de R$ 3.817,98. Cinco por cento das chances são reservadas a pessoas com deficiência.
Provas: serão aplicadas em 24 de janeiro de 2016. Haverá exames em todos os Estados.
Conselho Federal de Psicologia
Vagas: 500 oportunidades para formação de cadastro reserva. As chances são para lotação em Brasília.
Remuneração: variam de R$ 4.075,85, para nível médio, a R$ 7.225,26, pra nível superior.
Cargos: O cargo de técnico administrativo, que exige nível médio de formação, tem vagas para atuação nas áreas administrativa, contábil e suporte técnico em informática. O posto de webdesigner também exige formação intermediária. Nestes casos haverá aplicação apenas de prova objetiva, no dia 31 de janeiro de 2016, com 50 questões sobre português, raciocínio lógico, noções de informática, ética no serviço público, legislação e conhecimentos específicos.
Quem tem graduação poderá disputar o cargo de analista técnico para as áreas de ciências sociais e humanas, psicologia, desenvolvimento e suporte em TI. Eles serão avaliados por provas objetivas, com 50 perguntas sobre português, noções de informática, ética no serviço público, legislação e conhecimentos específicos. Haverá ainda prova discursiva e prova de títulos. Os exames estão marcados para 24 de janeiro. Confira o edital de abertura completo.
Inscrições: custam de R$ 50 a R$ 70, e podem ser feitas pelo sitewww.quadrix.org.br  até 13 de dezembro.
Ministério das Relações Exteriores
Vagas: 60 para oficial de chancelaria. É necessário ter curso superior.
Inscrições: até 16 de dezembro, no site da Fundação Getúlio Vargas. A taxa de participação custa R$ 120.
Remuneração: R$ 7.292,02
Provas: serão aplicadas no dia 31 de janeiro de 2016. Os exames, objetivo e discursivo, serão aplicados no Distrito Federal, Rio de Janeiro, São Paulo, Recife, Porto Alegre e Belém.
Agência Nacional de Saúde (ANS)
Vagas: 102, sendo 66 para técnicos administrativos e 36 a técnicos em regulação de saúde suplementar. Os dois cargos exigem o nível médio. As chances são para lotação no Distrito Federal e aos estados do Ceará, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, São Paulo e Mato Grosso.
Remuneração: variam de R$ 5.689,52 a R$ 5.957,52.
Inscrições: até 13 de dezembro, pelo site da Fundação Professar Carlos Augusto Bittencourt (Funcab). A taxa custa R$ 74.
Provas: serão aplicadas em todas as capitais federais em 21 de fevereiro.
Agência Nacional de Petróleo o Gás (ANP)
Vagas: 34, sendo 14 para técnico em regulação de petróleo e derivados, álcool e combustíveis, e 20 vagas para técnico administrativo. A exigência é ter o nível médio. São 10 vagas para o Distrito Federal e 24 para o Rio de Janeiro.
Remuneração: O cargo de técnico administrativo exige formação de nível médio. Os aprovados vão receber salário de R$ 6.334,52. Já o posto de técnico em regulação de petróleo e derivados, álcool combustível e gás natural recebe salário de até R$ 6.669,52. Podem concorrer candidatos apenas com nível médio e outros com nível médio e curso técnico em química.
Inscrições: até 8 de dezembro, pelo site da Cesgranrio. A taxa custa R$ 55.
Provas: serão aplicadas no dia 31 de janeiro de 2016.
Fonte: Gazeta Online

 

PREVISÃO DO TEMPO

CUPOM DESCONTO