Últimas Notícias
SERRA-ES
24 fevereiro 2021

Preso suspeito de atirar contra sargento da reserva da PM durante tentativa de assalto na Serra

736916424-patrimonial

A polícia prendeu, na tarde desta quarta-feira (09), um dos suspeitos de balear um sargento da reserva da Polícia Militar, no final da manhã, em Parque Residencial Laranjeiras, na Serra.

O indivíduo, identificado como Jamerson Alcântara Castro, foi localizado por militares do 6º Batalhão no bairro Vila Nova de Colares, no mesmo município. Ele foi encaminhado para a 3ª Delegacia Regional da Serra.

De acordo com a ocorrência registrada pela PM, o sargento sofreu a tentativa de homicídio no momento em que estava parado na frente de casa, por volta das 11 horas. Dois homens armados teriam abordado a vítima, enquanto outros dois davam cobertura à dupla, próximo a um Gol branco.

Segundo os policiais que atenderam a ocorrência, o sargento contou que os suspeitos levaram as chaves do carro dele, uma Toyota Hilux, que estava na garagem de casa. A vítima levou um tiro na axila direita, que parou no braço. Em seguida, os criminosos fugiram no Gol, em direção a Vila Nova de Colares.

O sargento foi socorrido e levado para o hospital Jayme dos Santos Neves, na Serra. De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), ele teve alta na parte da tarde.

A sobrinha do policial estava dentro da residência e teria visto toda a ação. Segundo a polícia, ela reconheceu um dos suspeitos e disse que ele seria ex-morador do bairro. Esse suspeito reconhecido seria o Jamerson, detido horas depois. Os outros três não foram identificados pela testemunha.

De acordo com a PM, o suspeito provavelmente já conhecia a vítima e, junto com os comparsas, teria planejado o assalto. O sargento aposentado contou para os militares que atenderam o caso que os suspeitos já chegaram perguntando sobre a arma dele e os bens que ele tinha.

A Polícia Civil informou que o caso está sob responsabilidade do delegado Agis Macedo, da Delegacia Especializada de Segurança Patrimonial. A principal linha de investigação é de que o sargento tenha sido vítima de latrocínio – roubo com morte.

Quem tiver qualquer informação que possa ajudar nas investigações deve entrar em contato com o disque-denúncia, pelo número 181. Não é preciso se identificar e o sigilo é garantido.

Fonte: Folha Vitória

PREVISÃO DO TEMPO

CUPOM DESCONTO